Mês: novembro 2020

Empréstimo Pessoal MoneyMan – Solicitação Em Até Cinco Minutos

Quer um empréstimo pessoal com rapidez e segurança? A MoneyMan tem. Além disso, a solicitação pode ser realizada sem sair de casa pelo computador ou celular.

Um empréstimo pessoal correto é aquele que o cliente sabe exatamente o que está contratando. Isso por que ele entendeu a taxa de juros, prazos para pagamento e encargos. Sendo assim, uma organização financeira será mantida.

Todo o processo de empréstimo é realizado automaticamente e assim, mais facilidades serão adquiridas e mais segurança estará disponível. Consultar todas as condições, formas de pagamento e taxas é muito importante para manter a organização financeira.

Vantagens da MoneyMan

O empréstimo pessoal solicitado de forma on-line tem se tornado cada vez algo comum. No entanto, a empresa que oferece esse serviço deve garantir segurança aos seus clientes.

E pela MoneyMan, o cliente entende a taxa de juros, encargos, formas de pagamento, entre outras coisas. Nada de letras miúdas ou pegadinhas.

Dessa forma, o cliente vai achar uma opção que cabe em seu orçamento.

– Em até cinco minutos e solicitação é efetuada

– Contratação on-line

– Segurança garantida

– Empréstimo pessoal disponível em pouco tempo

Passo para solicitação na MoneyMan

1 – Simulação

A simulação do empréstimo on-line tem a finalidade de fazer o cliente entender o que ele está contratando.

E dentro dos valores disponíveis, a melhor opção deve ser contratada. Os valores disponíveis para contratação estão entre R$ 500 e R$ 2000, em um prazo de pagamento entre 6 e 12 meses.

Vale salientar que as condições são de acordo com o produto desejado.

2 – Empréstimo on-line e resposta

O pedido do empréstimo pessoal deve ser efetuado no site MoneyMan, onde todos os dados pessoais devem ser fornecidos e todas as etapas devem ser concluídas. Existe ainda a possibilidade de a resposta está disponível em até 1 minuto.

Requisitos para contratação

O empréstimo MoneyMan está disponível, desde que o cliente atenda os seguintes requisitos:

– Carteira de identidade

– Idade acima de 18 anos

– Possuir CPF

– Possuir conta bancária ativa

– Possuir e-mail e número de telefone

Porque a MoneyMan?

O empréstimo da MoneyMan é ideal para as pessoas que não querem sair de casa, ou seja, sem filas ou trânsito.

Além disso, a MoneyMan não pede valores antecipados ou depósitos antecipados e a analise de crédito é gratuita.

Vale salientar que a taxa de juros da MoneyMan está entre 12,50% ao mês e 17,99% ao mês , em um prazo de pagamento entre 6 e 12 meses.

Mais informações

Mais informações podem ser adquiridas no SITE OFICIAL MoneyMan ou ainda pelo telefone de contato: (11) 4502 4445.

2 Benefícios Sociais Do Governo Para Você – Solicite

Sabia que muitas pessoas tem direitos a Benefícios Sociais do Governo? A Tarifa Social de Energia Elétrica e o Telefone Popular possibilitam descontos para as pessoas e famílias de baixa renda. Isso significa que a pessoa vai pagar menores valores na conta de energia e de telefone.

A finalidade dos Benefícios Sociais é atender pessoas de baixa renda, ou seja, pessoas que não tem condições de pagar contas altas.

Para ter acesso a dois dos Benefícios Sociais é necessário estar inscrito no Cadastro Único que visa atender, exatamente, esses Programas Sociais do Governo Federal. E dependendo das características, o beneficiário pode ter a outros Benefícios Sociais.

Confira a seguir como funciona dois Benefícios Sociais: Tarifa Social de Energia Elétrica e o Telefone Popular.

Telefone Popular

Bem, um dos dois Benefícios Sociais disponíveis pelo Governo é o Telefone Popular. Através dele, famílias de baixa renda terão direitos a descontos na conta do telefone, podendo pagar somente R$ 15,00 por mês.

E esse Benefício Social está disponível por causa da parceria entre o Governo e operadoras de telefones e assim, famílias de baixa renda vão pagar menores valores na conta de energia.

Telefone Popular – quem pode ter?

Como falamos mais acima, para ter acesso a esse Benefício Social é necessário estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais. É necessário também que a inscrição esteja sempre atualizada. É importante entender ainda que a conta mensal vai ficar no valor de até R$ 15,00 ao mês.

Inclusive, a pessoa pode usar é de 90 minutos para fazer ligações para outros telefones fixos.

A quantidade de minutos disponibilizada previamente visa exercer um controle sobre as contas e assim evitar gastos excessivos da conta de telefone. Mas se a franquia acabar, o usuário pode realizar recarga para efetuar mais ligações.

Ao pedir o Telefone Popular é necessário ter o número do NIS (Número de Inscrição Social) e o CPF.

Operadoras que disponibilizam o Telefone Popular

O Telefone Popular é uma parceria entre o Governo e as operadoras de telefone. Sendo assim, pessoas com baixa renda que estão inscritas no Cadastro Único podem ter acesso a esse Benefício Social.

  • OI/Brasil Telecom – 10314 (telefone)
  • Sercomtel – 10343 (telefone)
  • VIVO Telefônica – 10315 (telefone)
  • CTBC – 10312 (telefone)
  • Sercomtel – 10343 (telefone)
  • OI/Telemar – 10331 (telefone)

Se você quiser tirar alguma dúvida, a ANATEL disponibiliza o telefone de contato: 1331 1332.

Tarifa Social de Energia Elétrica

Mais um Benefício Social disponível pelo Governo é a Tarifa Social de Energia Elétrica. E para tê-lo, é necessário estar dentro da Subclasse Residencial de Baixa Renda. Sua criação aconteceu no ano de 2002 e em 20 de janeiro de 2010 virou lei. O decreto ocorreu em 2011.

As famílias de baixa renda terão descontos pela Tarifa Social de Energia Elétrica e isenção nos custos através do Programa de Incentivo as Fontes Alternativas de Energia Elétrica (PROINFA).

Outro detalhe bem legal é que os descontos poderão ser acumulados. Confira a tabela:

Parcela – consumo mensal Desconto Tarifa – aplicação de redução
Até 30 kWh 65% B1 sub classe de baixa renda
31 kWh a 100 kWH 40% B1 sub classe de baixa renda
101 kWh a 220 kWh 10% B1 sub classe de baixa renda
Acima de 221 kWh 0% B1 sub classe de baixa renda

Quilombolas e indígenas também têm acesso a esse benefício com até 100% no limite de 50 kWh, confira:

Parcela – consumo mensal Desconto Tarifa – aplicação de redução
Até 50 kWh 100% B1 sub classe de baixa renda
51 kWh a 100 kWH 40% B1 sub classe de baixa renda
101 kWh a 220 kWh 10% B1 sub classe de baixa renda
Acima de 221 kWh 0% B1 sub classe de baixa renda

E quem pode ter e Tarifa Social de Energia Elétrica?

Veja os requisitos necessários para ter a Tarifa Social de Energia Elétrica.

  • Estar inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo
  • Possuir renda mensal menor que 1 salário mínimo
  • Idosos com idade acima de 65 anos recebendo o Benefício de Prestação Continuada de Assistência Social
  • Famílias inscritas no Cadastro Único com renda mensal de até 3 salários mínimos, família que tem alguma pessoa com doença ou deficiência (virtual, motora, física, auditiva, intelectual e múltipla). Outro detalhe importante é que o tratamento deve ser continuo, fazendo o uso de aparelhos, equipamentos e instrumentos que utilizem energia elétrica.

Pedido da Tarifa Social de Energia Elétrica

Para fazer a solicitação, a família precisa enviar um representante até a operadora de energia elétrica para que, essa família, se insira e se classifique na Subclasse Social de Baixa Renda. Veja as informações necessárias:

  • Nome completo, CPF, RG ou outro documento oficial, devendo ter foto;
  • Em caso de indígena é preciso ter o RANI;
  • Deve ter o código da unidade de consumo que irá receber o Benefício Social;
  • NIS (Número de Inscrição Social) e/ou Número do Cadastro Único ou o NB (Número do Benefício de Prestação Continuada);
  • Atestado médico ou relatório da família que possa comprovar o uso continuo de aparelhos.

É importante também que o solicitante esteja em dia com sua situação cadastral, devendo essa atualização ter ocorrido dentro de dois anos.

Além disso, a empresa que fornece energia vai consultar o Cadastro Único ou Beneficio de Prestação Continuada para que todas as informações sejam confirmadas.

Para ter mais informações acesse o site ou ligue para ANEEL: 167.

Financiamento De Imóvel Mesmo Estando Negativado No Mercado

Possuir inadimplências financeiras junto aos órgãos de proteção ao crédito como o SPC e o Serasa, pode acarretar inúmeras situações desagradáveis na tentativa de financiamento de imóvel, ou seja, da casa própria.

Financiamento de Imóvel para negativados

Para quem se encontra negativado no mercado, mas almeja conseguir realizar o financiamento de imóvel é possível contar com o suporte do Caixa Econômica Federal através do programa Minha Casa Minha Vida. Ela oferece a oportunidade de aquisição de casas populares com o pagamento de parcelas reduzidas e chegando a oferecer a cobertura de até 90% do financiamento de imóvel.

E quem pode realizar o Financiamento de Imóvel?

O programa Minha Casa Minha Vida abrange somente determinado público específico. A Caixa Econômica Federal realiza o financiamento de imóvel através da Faixa I do programa, que efetua a classificação de pessoas com baixa renda familiar bruta de até R$ 1,8 mil para a inclusão no programa. Pessoas negativadas também podem efetuar a sua solicitação do financiamento de imóvel, desde que atendam a todos os requisitos pré definidos pelo programa.

Prazo de liberação do valor do empréstimo para Financiamento de Imóvel

Devida a alta procura por esse tipo de financiamento de imóvel, a solicitação não garante a liberação do crédito e o prazo para a liberação do valor solicitado pode ser lento. Todavia, essa continua sendo uma das melhores opções de financiamento de imóvel mesmo estando negativado no mercado devido às ótimas condições de pagamento oferecidas pela Caixa (banco responsável pela atuação do programa).

Como fazer a inscrição do Financiamento de Imóvel e os valores?

O prazo de pagamento do valor do financiamento de imóvel realizado pode chegar a ser de até 120 meses e com relação ao valor cobrado pelas parcelas, estas apresentam valores bem baixos, que podem variar entre de R$ 80,00 a R$ 270,00 por renda, levando em consideração, a renda da família cadastrada no programa.

Condições para realizar a inscrição no Programa Minha Casa Minha Vida (Financiamento de Imóvel)

Para realizar a inscrição no programa Minha Casa Minha Vida e conseguir realizar o empréstimo para o financiamento de imóvel mesmo estando negativado no mercado é necessário atender a alguns requisitos. Tais como:

  • Possui uma renda familiar bruta de até R$ 1,8 mil;
  • Não ser proprietário de qualquer outro tipo de imóvel;
  • Não ser concessionário de imóveis residenciais;
  • Não ter recebido qualquer tipo de benefício habitacional, dentre outros.

Onde fazer a inscrição no Programa Minha Casa Minha Vida para Financiamento de Imóvel?

A inscrição no programa Minha Casa Minha Vida pode ser facilmente realizada diretamente na prefeitura ou em algum outro órgão responsável pelo programa na cidade (no CRAS, por exemplo) onde reside o interessado.

É possível também realizar a solicitação em qualquer uma das pelas Agências da Caixa para o financiamento de imóvel.

Valor das taxas de juros cobrada sobre o valor do empréstimo para o Financiamento de Imóvel

O valor cobrado pela instituição bancária sobre as taxas de juros pode variar conforme a análise de crédito que é realizada.

Acesse o site da Caixa e consulte mais informações ou então ligue: 0800 726 0101 ou 0800 725 7474.

Empregado Doméstico: Veja O Valor Que Você Tem Direito De Seguro Desemprego E Como Dar Entrada

Todo trabalhador do Brasil tem direito a um dos benefícios do Governo mais importantes: o Seguro Desemprego. Pelo Seguro Desemprego, o trabalhador desempregado recebe durante alguns meses, um valor financeiro, visando garantir mais segurança até que ele encontre um novo trabalho.

E o Seguro Desemprego também está disponível para os trabalhadores domésticos. Porém, existem algumas regras diferentes para poder receber.

Sendo assim, a seguir, você trabalhador doméstico, confere como funciona o Seguro Desemprego e como dar entrada nesse benefício.

Empregados Domésticos + Seguro Desemprego

Os empregados domésticos tem direito ao Seguro desemprego e são amparados pelo benefício do disponível pelo Governo. Além disso, para tê-lo é necessário dar entrada depois que for demitido em um período entre 7 e 90 dias.

E qual é valor pago pelo Seguro Desemprego?

O valor pago pelo Seguro Desemprego para trabalhadores domésticos é de R$ 1.045, ou seja, um salário mínimo. Lembrando que ele também é válido para trabalhadores resgatados e pescadores.

E as regras para dar entrada no Seguro Desemprego?

Para pedir o Seguro Desemprego, algumas regras tem que ser seguidas, confira:

  • A demissão deve ter sido sem justa causa
  • Deve ter trabalhado como empregado doméstico pelo período de 15 meses nos últimos 24 meses antes da demissão
  • O trabalhador deve estar inscrito como contribuinte individual da Previdência Social e ter pago 15 contribuições ao INSS
  • Ter no mínimo 15 recolhimentos do FGTS como empregado doméstico
  • Não pode ter renda ou qualquer tipo de renda que dê para sustentar a família e não pode receber algum qualquer tipo de Benefício de Prestação Continuada do INSS, como por exemplo: aposentadoria, sendo a exceção o Auxílio-Acidente ou pensão por morte

Documentos para pedir o Seguro Desemprego

  • Cópia da Previdência Social e cópia da Carteira de Trabalho
  • Termo de Rescisão do Contrato de Trabalho
  • Carteira de Identidade, RG
  • Caso haja, sentença judicial
  • Comprovante de residência

E como dar entrada no Seguro Desemprego sem precisar sair de casa?

Existe como dar entrada no Seguro Desemprego sem a necessidade de sair de casa para quem necessitar, saiba como:

1 – Acesse o site do Seguro Desemprego que está no PORTAL GOV.BR;

2 – Agora, deve-se clicar em solicitar e preencher o formulário do Seguro Desemprego do Empregado Doméstico;

3 – No formulário, é necessário colocar os dados de identificação e os dados de identificação do vínculo referente ao trabalho. É necessário também anexar a documentação obrigatória para fornecimento do Seguro Desemprego.

Depois que deu entrada no Seguro Desemprego

Depois de mandar a documentação para solicitar o Seguro Desemprego, essas informações irão para uma base de dados do Portal Mais Emprego e passarão por uma verificação que determinará se o solicitante pode ou não receber o Seguro Desemprego.

Além disso, segundo o Governo, a análise para que o trabalhador tenha o Seguro Desemprego pode durar até 20 dias.

Depois que a análise terminar, o trabalhador será informado pelo site ou pelo telefone 158 do Governo, se o pedido do Seguro Desemprego foi aprovação ou não.

E se a resposta for positiva, as parcelas do Seguro Desemprego serão pagas pela Caixa Econômica.

Veja Os Benefícios Disponíveis Pelo Governo Para Quem Está Desempregado

Passando por uma crise de saúde e econômica, o Brasil está com mais de 13 milhões de desempregados. Mas o que muitos não sabem é que estando desempregado, existe a possibilidade de ter acesso algum dos benefícios do Governo Federal.

Para que você entenda melhor essa situação, esse artigo de fácil entendimento está à disposição.

De acordo com o IBGE, o Brasil possui nos dias atuais mais de 13 milhões de desempregados. Essa quantidade de desempregados foi causada pela crise de saúde e econômica.

E além disso, muitas pessoas estão fazendo o famoso “bico”, ou melhor, vivendo de trabalhos informais. Esse modelo de trabalho tem ajudado as pessoas a manter as obrigações de casa.

E muita gente além de trabalhar informalmente, busca algum tipo de benefício do Governo Federal para complementar a renda. Contudo, mesmo se encontrando nessa situação, muitas pessoas não sabem que a possibilidade de ter um dos benefícios do Governo está disponível e mesmo quem está desempregado, também não conhece essa informação.

Estou desempregado, quais são meus direitos?

A primeira coisa a ser dita é que desemprego significa que o trabalhador está sem trabalhar informalmente ou sem direitos na CLT (Carteira de Trabalho).

O desemprego é uma situação ruim para o trabalhador, para o Governo e para a sociedade. Dessa forma, quando essa situação é alarmante ou desesperadora, o Governo fornece alguns benefícios visando atender essas pessoas. Além disso, ele também divulga alguns benefícios existentes.

O primeiro passo para acessar algum Programa Social ou algum benefício do Governo é necessário se inscrever no Cadastro Único e ter ainda o Cartão Cidadão.

E o que é Cartão Cidadão?

O Cartão Cidadão é um dos cartões mais importantes disponíveis para as pessoas. Através dele é possível acessar Programas Sociais ou benefícios do Governo Federal.

Confira alguns benefícios do Cartão Cidadão:

  • FGTS
  • Bolsa Família
  • Abono Salarial
  • Seguro Desemprego
  • PIS/Pasep
  • Entre outros

Outra coisa importante é que o Cartão Cidadão é fornecido pela Caixa Econômica para os trabalhadores. Sendo assim, saques podem ser realizados em alguma agência da Caixa.

Além disso, o Cartão Cidadão deve ser usado por qualquer pessoa que tenha direito a algum benefício do Governo Federal.

E como solicitar o Cartão Cidadão?

Para solicitar o Cartão Cidadão e acessar algum benefício do Governo, a pessoa deve fazer os seguintes passos:

  • Telefonar para Caixa Econômica
  • Deve ter o NIS (Número de Inscrição Social) ou NIT (Número de Inscrição do Trabalhador)
  • Cadastrar na Caixa todos os dados pessoais corretamente
  • Se dirigir até uma agência Caixa para solicitar
  • Se ligar, esperar para ser atendido. Muitas pessoas também podem estar pedindo
  • Estar com o número do PIS nas mãos
  • Deve-se conferir todos os documentos necessários: RG, CPF, carteira de trabalho, certidão de casamento ou nascimento
  • Comprovante de endereço: água, luz, telefone da residência ou IPTU

Cadastro Único

Pelo Cadastro Único, famílias com renda de até meio salário mínimo por pessoa e famílias com renda total de até três salários mínimos, tem acesso a algum benefício do Governo.

É obrigatório ainda estar inscrito no Cadastro Único para ter algum Programa Social ou algum benefício do Governo. Essas opções são validas para quem está desempregado.

E desempregado tem direito Auxílio Moradia?

O programa Auxílio Moradia está disponível para quem perdeu a casa por causa de algum desastre natural, como: incêndios, desabamentos, entre outros. O Auxílio Moradia também está disponível para quem perdeu o imóvel e teve que deixa-lo.

É importante entender ainda que o Auxílio Moradia é um benefício temporário e o tempo de recebimento é definido de acordo com cada munícipio. Vale salientar que a moradia é um dos direitos garantidos pela Constituição Federal. Sendo assim, os municípios tem respaldo para fornecer esse benefício para famílias.

Outra informação importante é que não são todos os estados que fornecem Auxílio Moradia, ou seja, é de suma importância confirmar e verificar com a prefeitura do município e com o Governo do estado que cada pessoa mora.

Como receber Benefícios Sociais se estou desempregado?

Algumas cidades disponibilizam até cursos remunerados para pessoas que estão desempregadas. E para ter acesso a essa informação, é necessário realizar uma consulta com a assistência social de sua cidade ou na própria prefeitura.

  • Procure o CRAS de sua cidade e faça o cadastro;
  • Leve os documentos necessários para fazer o primeiro cadastro: CPF e Titulo de Eleitor da pessoa responsável pela família;
  • Leve o documento de cada membro familiar: RG, certidão de nascimento, carteira de trabalho, comprovante de residência e o Cartão Cidadão.

Vale salientar que depois de fazer o primeiro cadastro, outros documentos também poderão ser solicitados.

Após fazer o cadastro, sua família poderá ter algum benefício do Governo, inclusive, as pessoas que estão sem emprego.

Acesse o SITE DA CAIXA para mais informações ou ligue.

  • 0800 726 0101 – SAC.
  • 0800 725 7474 – Ouvidoria.

Empréstimo Losango – Simule Antes De Contratar  

O mundo está evoluindo constantemente e a Losango busca acompanhar essa evolução todos os dias. Dessa forma, ela tem disponível um empréstimo pessoal online seguro e com conforto. Em qualquer lugar, o solicitante faz a simulação e fica por dentro de todas as condições.

A simulação coloca o cliente por dentro de todas as condições para encontrar um empréstimo pessoal personalizado. Além disso, com o celular ou computador, todas as informações estarão à disposição. Dentro de poucos minutos e com poucos cliques, toda a operação poderá ser realizada.

Consulte as taxas, condições, formas de pagamento para que essa operação seja segura e com responsabilidade.

Benefícios do Empréstimo Pessoal Losango

Antes de contratar um empréstimo, o ideal é fazer uma simulação. Isso traz mais segurança para as partes envolvidas, podendo ser realizada de qualquer lugar.

A Losango trabalha com eficiência e conforto para que, dessa forma, alguns benefícios fiquem à disposição.

– Empréstimo personalizado: valores em concordância com o perfil de cada cliente;

– Nenhuma cobrança será realizada pela análise de perfil;

– Não há necessidade de fazer depósitos adiantados;

– Se o cliente desejar pode cancelar o processo em dois dias;

– Prazo de pagamento mais flexível: 9 a 36 meses.

Passos para a contratação do Empréstimo Losango

O solicitar um empréstimo, o cliente tem um motivo especifico pra usá-lo, podendo ser: colocar as contas em dia, realizar a viagem dos sonhos, trocar ou comprar um carro ou investir nos estudos.

Na Losango, os valores disponíveis estão de acordo com cada necessidade, com cada cliente, é personalizado.

1 – Antes de contratar, realize uma simulação e solicite o valor;

2 – Todos os detalhes de pagamento estarão disponíveis: formas e valores;

3 – No site oficial Losango um login deverá ser criado;

4 – No formulário, deverá ser preenchido com os dados pessoais, endereço, informações profissionais e os dados bancários;

5 – Depois de receber a proposta e se aceitar, consulte as condições gerais e assine o contrato digitalmente;

6 – Depois de assinar o contrato, em até dois dias a resposta estará a disposição através de mensagem de texto ou poderá ser consultada pelo site da Losango;

7 – Depois e se houver aprovação, o dinheiro é depositado na conta e o contrato poderá ser impresso.

É importante entender também que os boletos do empréstimo estarão disponíveis no site da Losango.

Simule o empréstimo pessoal antes de contratar

Antes de realizar todo o processo de empréstimo, a Losango permite que o cliente realize uma simulação. A ideia é encontrar valores acertados e de acordo com o perfil pessoal. Isso garante mais controle financeiro porque caso ele seja perdido, a situação se torna complicada.

A simulação pode ser feita pelo CPF, data de nascimento, celular, e-mail e motivo. Em seguida, uma senha de acesso ao site deverá ser criada.

Onde usar um empréstimo pessoal

Os motivos para a contratação de um empréstimo é pessoal e cada pessoa usa onde desejar.

→ Reformar o imóvel

Muitas pessoas tem a necessidade de se adaptar e com o imóvel isso também acontece. Uma reforma é necessária se houver necessidade.

→ O sonhado casamento

Quem não deseja em realizar o casamento dos sonhos? Um empréstimo pode ser a saída para esse momento, afinal de contas, as pessoas que amamos devem estar presentes.

→ A viagem dos sonhos

Muitas pessoas também tem vontade de conhecer um local especifico. Todo mundo tem o desejo de realizar uma viagem que faz parte de algo pessoal, podendo ser sozinho ou com a família.

A Losango atende em todos os lugares

No site da Losango é possível achar a loja mais perto de casa. Além disso, pelos telefones disponíveis todas as informações estão à disposição.

0800 721 4252 – Demais localidades.

4004 4252 – Grandes centros

0800 722 4004 – Deficientes auditivos.

Banco Losango S.A – Banco Múltiplo, Praça XV de Novembro, nº 20, Centro – Rio de Janeiro/RJ.

Cartão De Crédito Sem Anuidade? A Digio Tem

Sem anuidade ou mensalidade, o Cartão de Crédito Digio não faz cobrança dessas duas taxas e ainda disponibiliza algumas condições acessíveis para os clientes.

Ao usar o Cartão de Crédito Digio, o cliente controla os gastos de forma on-line pelo Aplicativo Digio. Esse cartão é uma parceria com o Banco CBSS, podendo ser solicitado por pessoas físicas e pessoas jurídicas.

Contratando um serviço financeiro como um cartão de crédito, a pessoa deve saber de tudo que esse serviço tem. Isso quer dizer que as taxas deverão ser consultadas, a data do vencimento da fatura e os outros componentes financeiros que estão juntos a ele.

O Digio disponibiliza um cartão de crédito com condições para que ele seja usado com responsabilidade e segurança.

Vantagens do Cartão de Crédito Digio

Muitas pessoas estão solicitando o Cartão de Crédito Digio porque ele não tem taxa de anuidade e porque disponibiliza alguns outros benefícios.

– Juros rotativos mais baixos

– A remissão de um novo cartão de crédito é gratuita

– O cartão de crédito pode ser usado em mais de 14 milhões de estabelecimentos espalhados no mundo

– Possibilidade de realizar compras na loja on-line Digio

Cartão de crédito + acumulo de pontos

Com esse cartão de crédito, acumular pontos é uma das possibilidades pelo Programa Livelo. Esses pontos poderão ser trocados por produtos e passagens aéreas.

Produtos

– Cafeteira

– Caixa de som JBL

– Celulares

– Air fryer

Passagem aérea

– Rio de Janeiro

– Santiago

– Miami

– Buenos Aires

O clube de pontos funciona da seguinte forma:

– 1 = 1. Gastando 1 real, a pessoa acumula 1 ponto com taxa fixa no valor de R$ 4,90 + a cobrança de 3,5% sobre o valor da fatura.

– 2 = 1. Gastando 2 reais, a pessoa acumula 1 ponto com taxa fixa no valor de R$ 4,90 + a cobrança de 2% sobre o valor da fatura.

– 3 = 1. Gastando 3 reais, a pessoa acumula 1 ponto com taxa fixa no valor de R$ 4,90 + a cobrança de 1,5% sobre o valor da fatura.

Aplicativo Digio

O controle de uso do Cartão de Crédito Digio pode ser realizado pelo APP, estando o controle financeiro disponível on-line. Além disso, o aplicativo poderá ser usado em qualquer lugar e a qualquer hora para consultar o limite, data do vencimento da fatura e futuros lançamentos.

Ainda pelo APP, existe uma loja on-line para realizar recargas no celular e para possível contratação de seguros.

Cartão de Crédito Digio – solicitação

Existem duas formas de solicitar o cartão: site ou APP Digio. Pelo site, o cliente deve preencher o formulário colocando os dados pessoais.

Pelo APP, estando disponível para celulares Androids ou IOS, o cliente deve fazer o cadastro e a solicitação disponibilizando os dados pessoais.

Feito isso, um código para ativação será enviado para o cliente. Nessa etapa, alguns documentos pessoais deverão ser fornecidos para a Digio através de fotos.

Outro ponto que será analisado pela Digio é o histórico financeiro da pessoa para que o cartão de crédito seja fornecido ou não.

Depois da solicitação do cartão de crédito e se aprovado, o cartão será enviado para a casa do cliente em até 12 dias para quem mora nas capitais e 30 dias úteis para quem mora nas outras regiões. Para desbloquear o cartão pelo APP, uma senha deverá ser criada.

Taxas do Cartão de Crédito Digio

As taxas cobradas pela Digio são as seguintes: parcelamento da fatura é de 8,90% por mês. Em caso de atrasos, a taxa será de 0,90% por mês. No parcelado emissor, a taxa é de 3,99% por mês e uma taxa de R$ 4,00 reais também será cobrada para ativar o cartão de crédito.

Cartão de Crédito Digio

Para ter mais informações sobre o Cartão de Crédito Digo, a pessoa pode acessar o SITE OFICIAL ou  ligar para os números de telefones da empresa.

– 4004 0127: Capitais e regiões metropolitanas.

– 0800 701 0127: Demais localidades.

O atendimento Digio é de segunda a sexta feira das 8 horas às 22 horas.

Endereço Digio: Alameda Xingu, n° 512, Alphaville/São Paulo – 7° andar.

Consulta CPF – Esteja Regularizado

Consultar o CPF a qualquer hora e em qualquer lugar é algo possível e extremamente importante, não é mesmo? Ao fazer a consulta de CPF, a pessoa fica sabendo como está um dos documentos mais importantes que qualquer pessoa deve ter.

Através da consulta CPF é possível realizar concurso público, ter cartão de crédito, tirar passaporte, entre outras coisas. Esse conjunto de situação deixa o cidadão participar mais ativamente da sociedade e deixa regularizado esse documento tão importante.

É possível dizer que o CPF é um documento quase que obrigatório que as pessoas devem ter.

Outro ponto importante é que as pessoas que estão com o nome negativado devem saber como está seu CPF para poder regularizar, negociar e saber sobre as possíveis dívidas existentes em sua vida.

Consultar o CPF gratuitamente

Já deu para perceber de forma clara que o CPF é um dos documentos mais essenciais para o dia a dia, sendo assim, a consulta do CPF deve ser feita constantemente para ter o controle pessoal sobre diversos aspectos.

E para consultar de forma on-line, ou melhor, em qualquer hora e em qualquer lugar, duas possibilidades estão disponíveis: Serasa ou Receita Federal.

Pelo CPF, a pessoa tem acesso a outros documentos pessoais importantes e ainda fica sabendo como está a situação financeira pessoal.

E a segurança está garantida sobre todas as informações usadas para consultar o CPF pela empresa escolhida para fazer a consulta, garantindo mais segurança nessa operação.

Vantagens de consultar o CPF

Várias vantagens estão disponíveis ao consultar o CPF e entre algumas podemos citar:

  • Tomada de decisões a partir das informações coletadas
  • Acesso a várias situações cadastrais
  • Controle de dívidas e quitação das mesmas
  • Melhoria na realização de analises de crédito e melhor gestão de carreira
  • Redução significativa do risco de fraudes com o próprio nome

Quem pode realizar a consulta do CPF?

Para que a pessoa fique sabendo de todas as informações pessoais citadas acima, é necessário disponibilizar os dados pessoais e verdadeiros. Além disso, a consulta do CPF também pode ser feita pelas pessoas que estão com o nome negativado.

A consulta CPF também pode ser feita pelas pessoas com idade superior a 18 anos e que tenha realizado alguma transação ou movimentação financeira.

Depois desses procedimentos, não será mais preciso disponibilizar informações pessoais para consultar o CPF.

Onde consultar o CPF?

A seguir, você confere duas possibilidades para consultar o CPF: Serasa e Receita Federal. As duas plataformas de consulta são gratuitas, on-line e seguras, sendo muito conhecidas no Brasil. Essas características garantem mais segurança e veracidade nas informações.

Além das plataformas acima, a pessoa pode consultar o CPF no Boa Vista SPC e no SPC Brasil. Essas plataformas também são seguras e confiáveis.

Consultar o CPF

De uma forma simples e segura, através do site do Serasa ou da Receita, a pessoa pode consultar o CPF e saber de forma clara como está sua situação pessoal.

Ao acessar o site do SERASA,  a pessoa deve fornecer suas informações pessoais verdadeiras. Essas informações deverão ser verdadeiras porque elas serão usadas para comprovar o número de cadastro da pessoa.

Depois disso, essas informações serão enviadas para o setor responsável e assim uma análise sobre essas informações serão recebidas gratuitamente pela pessoa.

Já através do site da RECEITA, o cliente deve fornecer o número do CPF e a data que nasceu. Ainda pela Receita, a pessoa ficará sabendo apenas de sua situação cadastral sobre o CPF, ou seja, não estarão disponíveis informações sobre a situação financeira pessoal.

Cadastro Único – Acesso Aos Programas Sociais Do Governo Federal

Você sabia que através do Cadastro Único vários Programas Sociais do Governo estão à disposição? O Cadastro Único permite que as pessoas participem mais ativamente da sociedade. E um dos grandes Programas Sociais do Brasil está disponível por ele, que é o Bolsa Família.

O Cadastro Único passa para o Governo Federal informações pessoais para que uma análise detalhada sobre o perfil de cada pessoa seja realizada. Essas informações permitem que essas famílias se encaixem em diversos Programas Sociais.

E para realizar a inscrição no Cadastro Único, duas classificações estão disponíveis:

  • As famílias com renda total de até meio salário mínimo por pessoa.
  • As famílias com renda total de até três salários mínimos mensal.

Cadastro Único e os Programas Sociais

Para que as pessoas possam ter acesso aos Programas Sociais do Governo é obrigatório que elas estejam inscritas no Cadastro Único. Além disso, é muito importante que esse cadastro sem mantenha atualizado. Veja a lista de alguns Programas Sociais que o Cadastro Único permite inscrição:

  • Telefone Popular
  • Carteira do Idoso
  • Bolsa Família
  • Minha Casa Minha Vida
  • Programa Brasil Carinhoso
  • Isenção de Pagamento para Realização do Concurso Público
  • Programa de Cisternas
  • Programa de Erradicação do Trabalho Infantil
  • Carta Social
  • Pro Jovem Adolescente
  • Aposentadoria para Pessoas de Baixa Renda
  • Tarifa Social de Energia Elétrica
  • Passe Livre para as Pessoas com Deficiência
  • Programa de Formento as Atividades Produtivas Rurais

Como funciona o Cadastro Único

Com a ideia de melhorar a vida das pessoas que tem baixa renda, os municípios fazem visitas periódicas para que a inscrição no Cadastro Único possa ser realizada.

No entanto, se a família olhar as regras do Cadastro Único e ver que se encaixa nelas, pode procurar o CRAS de sua cidade e fazer o cadastro.

Outro ponto muito importante é que a família deve indicar uma pessoa responsável para realizar a inscrição no Cadastro Único.

E a pessoa que foi indicada pela família deverá ter idade superior a 18 anos e deve também morar na mesma casa.

Para as famílias indígenas ou quilombolas, os seguintes documentos devem ser apresentados para realizar a inscrição no Cadastro Único:

  • CPF
  • RG
  • Certidão de Nascimento
  • Títulos de Eleitor
  • Certidão de Casamento
  • RANI – Certidão Administrativa de Nascimento do Indígena
  • Carteira de Trabalho

Inscrição no Cadastro Único

Existem algumas dicas podem ser seguidas para que a inscrição no Cadastro Único seja feita com mais tranquilidade, confira:

  • O comprovante de residência deve estar atualizado e de preferência deve ser de água ou de energia (luz).
  • É importante também manter todos os dados atualizados.

É muito importante manter todas as informações atualizadas porquê dessa forma, a inscrição no Cadastro Único será feita mais rapidamente. Isso quer dizer que qualquer mudança, como: alteração de endereço ou o nascimento de um filho, deverão ser informados imediatamente.

Além disso, se outras mudanças também acontecerem, como: renda familiar, telefone, estado civil ou adoção, imediatamente, essas mudanças também devem ser informadas.

O Cadastro Único é uma forma do Governo Federal proporcionar as famílias de baixa renda uma maior participação em vários Programas Sociais do Brasil para que assim, uma atuação mais participativa na sociedade seja possível.

Mensalmente, a seleção de famílias para participar do Cadastro Único é feita pelo Governo. Isso significa que estados, municípios e as famílias escolhidas são informadas.

Dúvidas e inscrição do Cadastro Único

Para qualquer outra informação sobre inscrição no Cadastro Único, o SITE OFICIAL da Caixa Econômica está disponível e o seu telefone de contato.

– 0800 726 0101.

– 0800 725 7474.

Cartão De Crédito Santander 1, 2, 3 – Multiplique Seus Pontos

Um dos pontos de maior relevância ao contratar um cartão de crédito é saber que ele pode ser usado para o auxílio financeiro pessoal, desde que seja usado corretamente. Um cartão de crédito pode trazer facilidades para fazer pagamentos, realizar compras e transações.

E dentro das características acima citadas, o Banco Santander tem um cartão de crédito com condições diferentes. Isso significa que durante seu uso, pontos podem ser conquistados pelo programa de recompensa. Mas de toda forma, antes de contratar, é muito importante consultar taxa de juros e as outras condições para manter o controle financeiro.

No Banco Santander, um cartão de crédito que pode ser solicitado é o 1, 2, 3. Ele possibilita para o cliente o aumento da pontuação em até três vezes e ainda pode dar desconto na taxa de anuidade.

Cartão de Crédito 1, 2, 3 e suas vantagens

O Cartão de Crédito Santander 1, 2, 3, além das condições acima, tem algumas vantagens.

– Taxa de anuidade

Uma das taxas que mais incomodam em um cartão de crédito é a anuidade. E para atender descontos melhores, o Cartão de Crédito 1, 2, 3 possibilita até 50% de desconto no seu pagamento. Essa condição será válida se o cliente acumular acima de 1000 pontos na fatura mensal. Isso significa que o valor da taxa de anuidade será pago em 2 vezes de R$ 35,50.

– Pagamento

O Santander permite que o cartão de crédito seja usado antes mesmo do cartão físico chegar, ou seja, o cartão de crédito virtual poderá ser usado em caso aprovação. O cartão virtual poderá estar disponível pelo aplicativo.

– Santander Pass

Através do Santander Pass, compras poderão ser realizadas através da tecnologia contactless. Isso significa que o cartão de crédito deverá ser aproximar da maquininha para que o pagamento seja realizado.

Cartão de Crédito MasterCard Gold

O cartão de crédito com a bandeira MasterCard pode ser usado em países espalhados pelo mundo e ainda traz benefícios.

– Proteção de Preço

– MasterCard Surpreenda

– Compra Protegida

– MasterCard Global Service

– Seguro Garantia Estendida Original

Programa de Pontos Esfera

Além do acumulo de pontos pelo Cartão de Crédito MasterCard, pontos poderão ser acumulados pelo Programa Esfera. Através dele, descontos podem estar disponíveis para usar em diversas empresas do Brasil e no exterior e ainda poderá dar descontos em passagens aéreas.

– Casas Bahia

– UBER

– Renner

– Posto Shell

– FunStock

– Extra

– Americanas.com

Pontos três vezes mais

O grande ponto desse cartão de crédito é porque pontos podem ser triplicados através do programa Esfera e assim, vantagens podem estarão disponíveis no momento da compra.

– 1 ponto

A cada dólar, um ponto com o cartão de crédito será acumulado.

– 2 pontos

Para que os pontos do cartão de crédito sejam dobrados, compras deverão ser feitas em lojas on-line.

– 3 pontos

Se compras forem feitas com o cartão de crédito no exterior ou em sites internacionais, até três pontos poderão ser acumulados e resgatados.

Cartão de Crédito Santander 1, 2, 3 – outras informações

Para que o Cartão de Crédito Santander esteja disponível e para ter acesso a todas as condições, o SITE SANTANDER poderá ser acessado.