Auxílio Emergencial Até Junho De 2021 – Veja Se É Possível

Muitas pessoas estão aguardando ansiosamente pela possibilidade de prorrogação do Auxílio Emergencial. Porém, o presidente Jair Bolsonaro, disse que não será mais possível manter o pagamento do Auxílio em 2021 por causa do endividamento do Brasil.

Em outras oportunidades, o presidente já havia declarado que o Governo teria dificuldades em manter o Auxílio Emergencial. Mas, ele sinalizou positivamente para que o Congresso procure uma fonte de financiamento para que o novo programa, o Renda Cidadão (suposto programa que irá substituir o Bolsa Família), seja colocado em prática.

Eu sei que os 600 reais (do auxílio) é pouco para quem recebe, mas é muito para o Brasil. Tem que ter responsabilidade para usar a caneta BIC. Não dá para ficar muito tempo mais com esse auxílio porque o endividamento nosso é monstruoso”, argumentou o presidente. “Mas realmente o Brasil está saindo da crise, os números mostram”, disse o presidente Bolsonaro.

Rodrigo Maia, presidente da Câmara, te deixado claro em suas declarações que não vai tomar decisões que possam comprometer a situação fiscal do Brasil e está defendendo a regulamentação do teto de gastos como prioridade total do Congresso.

Ainda segundo Maia, o Auxílio Emergencial não deve ser prorrogado. Além disso, ele defende a regulamentação do teto de gastos afirmando que isso é mais importante do que a criação de um novo programa.

Já deixei claro publicamente que sou contra a prorrogação do decreto de calamidade e que é preciso encontrar uma solução dentro do teto de gastos”, disse Rodrigo Maia.

Veja também:

Auxílio Emergencial até dezembro de 2020

O benefício do Auxílio Emergencial com um menor valor (R$ 300 reais) foi prorrogado até dezembro e a confirmação já tinha sido realizada há um bom tempo pelo presidente Jair Bolsonaro. O benefício terá o pagamento de mais quatro parcelas e foi oficializado através de uma Medida Provisória, devendo ainda ser aprovado pelo Congresso.

Não é um valor o suficiente muitas vezes para todas as necessidades, mas basicamente atende. O valor definido agora há pouco é um pouco superior a 50% do valor do Bolsa Família. Então, decidimos aqui, até atendendo a economia em cima da responsabilidade fiscal, fixá-lo em R$ 300”, disse Bolsonaro.

Já foram pagas neste ano 5 parcelas do Auxílio Emergencial no valor de R$ 600 reais. O benefício é para ajudar as famílias mais necessitadas, assim como pessoas de baixa renda, trabalhadores informais, MEIs, desempregados, autônomos e mães chefes de família.

Pelo site da Caixa, você tem mais informações sobre o Auxílio Emergencial. Mas se você preferir pode ligar gratuitamente: 0800 726 0101 ou 0800 725 7474.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima