Auxílio Emergencial De R$ 300: Governo Federal Confirma Todos Os Lotes Para Um Grupo

Nessa semana, de forma oficial, o presidente Jair Bolsonaro anunciou que o Auxílio Emergencial será prorrogado. No entanto, dessa vez, o pagamento será de mais 4 parcelas com o valor pela metade: R$ 300 reais. O programa terá seu último pagamento sendo realizado no mês de dezembro.

Além disso, de acordo com novas informações, não serão todas as pessoas que receberão o Auxílio Emergencial de R$ 300. Isso por que as quatro próximas parcelas serão pagas apenas para quem recebeu a primeira parcela de R$ 600 ainda no mês de abril. Isso significa que para os demais grupos, uma quantidade menor de parcelas serão pagas.

As pessoas que receberam a primeira parcela do Auxílio Emergencial de R$ 600 em julho, por exemplo, vai receber apenas um pagamento, ou melhor, uma (parcela) do Auxílio Emergencial de R$ 300.

Serão pagas até quatro parcelas do novo valor. Contudo, o benefício acaba em dezembro deste ano, ou seja, quem começou a receber o Auxílio Emergencial em abril terá direito às quatro parcelas. Quem passou a receber a partir de julho, por exemplo, terá direito a apenas uma parcela do novo benefício, que será pago no mês de dezembro”, declarou o Ministério da Cidadania.

Outro ponto importante é que foram criados novos critérios para que as parcelas do novo Auxílio Emergencial de R$ 300 pudessem ser pagas aos brasileiros. Isso significa que as novas parcelas do novo Auxílio de R$ 300, por exemplo, o Imposto de Renda de 2019 será levado em conta, já que nas primeiras parcelas, o Imposto de Renda de 2018 era levado em conta.

Além disso, as mães chefes de famílias continuam tendo direito a duas parcelas, no entanto, passam a ser as únicas da família com direito a receber.

Auxílio até dezembro

O anuncio da prorrogação do Auxílio Emergencial foi realizado pelo presidente Jair Bolsonaro pelo período de 4 meses com o valor menor, ou seja, R$ 300 reais. E a extensão do Auxílio foi oficializada através de uma Medida Provisória que ainda será aprovada pelo Congresso Nacional.

Nesse ano, ou seja, em 2020, já foram pagas 5 parcelas de Auxílio Emergencial de R$ 600 para que as pessoas, como autônomos, desempregados, MEIs, mães chefes de família pudessem enfrentar a crise econômica causada pelo coronavírus.

O presidente já tinha dito que o valor seria menor por que R$ 600 é muito para quem paga. Vale salientar que o custo mensal do Auxílio Emergencial de R$ 600 para os cofres públicos foi de R$ 50 bilhões.

Acesse o site da Caixa e tenha mais informações sobre o Auxílio ou ligue para um dos telefones disponíveis: 0800 726 0101 ou 0800 725 7474.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima