Mês: setembro 2020

Cartão De Crédito C6 Bank X Santander Free: Qual Escolher?

Ninguém aguenta mais as taxas exorbitantes que as operadoras de cartão de crédito cobram, não é mesmo? Isso porque ao solicitar um cartão de crédito, taxas como anuidade, manutenção do cartão, taxa de serviços, entre outras, são sempre cobradas e isso causa incomodo em muitas pessoas.

Dentro desse contexto, duas operadoras financeiras oferecem um cartão de crédito que está sendo bem aceito pelo público: C6 Bank e Santander.

No entanto, em qualquer que seja a empresa, um cartão de crédito deve ser usado com muito organização e controle para que seu uso seja bem feito. Consulte as taxas envolvidas nessa operação.

Pensando em mostrar as características desses dois cartões de crédito, montamos esse guia para que seja entendido perfeitamente todas as informações sobre eles dois.

C6 Bank e Santander  

Um dos pontos mais importantes na solicitação de um cartão de crédito e entender perfeitamente como é a empresa que esse serviço está sendo solicitado.

O C6 Bank é uma empresa que foi criada em São Paulo no ano de 2018 e buscando mais praticidade para a vida das pessoas. Ela disponibiliza um cartão de crédito mais acessível e com já possui mais de 2 milhões de correntistas.

Já o Santander é um banco da Zona do Euro de origem espanhola e chegou ao Brasil em 1982. Dessa forma, é a instituição financeira mais antiga.

E como ter um cartão de crédito do C6 Bank ou do Santander?

O cartão de crédito do C6 Bank oferece mais facilidades que o cartão de crédito do Santander. E para solicitar é necessário baixar o APP para Android ou IOS e possuir um RG e um comprovante de residência. Em seguida, é necessário fazer o passo a passo para que uma análise seja realizada.

E no Santander, o cartão de crédito pode ser solicitado pela internet, sendo necessário acessar a página do banco e ir até a opção “Pedir cartão”. Na página seguinte, é necessário digitar o CPF e fazer as etapas seguintes.

Existe vantagens nos dois cartões de crédito?

Uma das vantagens desses dois cartões de crédito é que eles não cobram taxa de anuidade. Além disso, os dois cartões podem ser usados fora do Brasil com os mesmos benefícios de um cartão de crédito comum.

Porém, o cartão de crédito do Santander para que a anuidade não seja paga é necessário consumir R$ 100 reais todos os meses. E não consumindo esse valor, a anuidade será em 12 parcelas de R$ 31,17 e 112 parcelas de R$ 15,58 para o cartão de crédito internacional.

As bandeiras do cartão de crédito

A bandeira desses dois cartões de crédito são MasterCard e Visa. O cartão de crédito do Santander tem a bandeira Visa, sendo aceita em vários lugares do mundo. Já o C6 Bank tem a bandeira do seu cartão de crédito MasterCard.

As duas são aceitas em vários lugares do mundo e possibilitam alguns benefícios.

Cartão de crédito com a bandeira Visa

– Seguro Garantia Estendida

– Seguro para Veiculo de Locadora

– Proteção de Preço e Compra

– Saque de forma emergencial e Assistência Viagem

– Aceito em vários países

Cartão de crédito com a bandeira MasterCard

– Bandeira de cartão de crédito mais emitida no mundo

– Cadastro automático no MasterCard Surpreenda

– Acumulo de pontos para que a partir de 5 pontos, produtos selecionados de empresas possam ser adquiridos

Além disso, o cartão de crédito do C6 Bank Carbon (Black) terá a anuidade gratuita nos três primeiros meses de uso, no entanto, de acordo com os gastos, o valor dela vai diminuindo.

– 50% menos menor gastando R$ 4 mil reais ao mês

– 100% gratuita gastando R$ 8 mil reais ao mês

– Quem investir a partir de R$ 150 mil em CDBs do C6 Bank, a isenção da anuidade também será total, ou seja, 100%

O Cartão de Crédito Carbon do C6 Bank ainda dá outros benefícios.

– Seguro Médico

– Seguro Bagagem Perdida

– Seguro para Carros Alugados

– Comprando um ingresso Cinemark, o cliente ganha outro

– Consultor de Viagem

– Frete de Iates

– Avião Particular

– Salas VIPs em mais de 440 aeroportos espalhados pelo mundo

Taxas dos dois cartões de crédito

Saber todas as informações sobre um cartão de crédito é algo mais que importante na contratação desse serviço. E informações sobre suas taxas também é necessário. Confira todas as taxas sobre esses dois cartões de crédito.

C6 Bank   

– Anuidade gratuita

– Multa por atraso; 2%

– Juros do rotativo: até 10,7%

– Compras Internacionais: PTAX Venda + 4%

– IOF: 6,38%

Santander

– Anuidade gratuita gastando o valor de R$ 100 reais por mês

– Multa por atraso: 2%

– Juros do rotativo: 14,99% ao mês

– Compras Internacionais: PTAX Venda + 4%

– IOF: 6,38%

Pelo site do Santander e pelo site do C6 Bank mais informações sobre o cartão de crédito podem ser encontradas.

Auxílio Emergencial De R$ 600 – Confira Todos Os Pagamentos Desta Semana

Nesta semana, mais precisamente segunda feira (30), o Governo liberou o calendário de pagamento do Auxílio Emergencial de R$ 300 reais. Esse cronograma de pagamento é referente as parcelas de extensão que foram aprovadas pelo poder público nos últimos dias.

E para que o pagamento do Auxílio Emergencial de mantenha organizado, a Caixa está realizando os depósitos de acordo com a data que os beneficiários foram aceitos no programa.

Dessa forma, abaixo, você confere a divisão de pagamento do Auxílio Emergencial por lotes.

Além disso, a Caixa também está realizando os pagamentos do Auxílio Emergencial da última parcela de R$ 600 reais.

Os pagamentos estão realizados pelo Caixa Tem e também está havendo liberação para quem é beneficiário do Bolsa Família. Cada grupo recebe o Auxílio Emergencial de acordo com as normas estabelecidas pelo Governo.

Calendário desta semana do Auxílio Emergencial  

Nos próximos dias muitas pessoas poderão realizar o saque do Auxílio Emergencial em dinheiro. Para poder realizar o saque, basta fazer uma transferência bancária para uma conta que seja da mesma pessoa que recebeu o Auxílio de acordo com as datas a seguir.

Saque e transferência

– 19/setembro: nascidos em janeiro

– 22/setembro: nascidos em fevereiro

– 29/setembro: nascidos em março

– 1°/outubro: nascidos em abril

– 3/outubro: nascidos em maio

– 6/outubro: nascidos em junho

– 8/outubro: nascidos em julho

– 13/outubro: nascidos em agosto

– 15/outubro: nascidos em setembro

– 20/outubro: nascidos em outubro

– 22/outubro: nascidos em novembro

– 27/outubro: nascidos em dezembro

No caso do depósito do Auxílio Emergencial, a pessoa deve acessar o Aplicativo Caixa Tem. Lembrando que a quantidade de parcelas também depende da data que a pessoa foi aceita no programa. Nesse momento, todos estão incluídos no valor de R$ 600 reais.

Depósitos

– 28/agosto: nascidos em janeiro

– 2/setembro: nascidos em fevereiro

– 4/setembro: nascidos em março

– 9/setembro: nascidos em abril

– 11/setembro: nascidos em maio

– 16/setembro: nascidos em junho

– 18/setembro: nascidos em julho

– 23/setembro: nascidos em agosto

– 25/setembro: nascidos em setembro

– 28/setembro: nascidos em outubro e novembro

– 30/setembro: nascidos em dezembro

Auxílio Emergencial para beneficiários do Bolsa Família

Para as pessoas beneficiarias do Bolsa Família, o valor da prorrogação do Auxílio Emergencial está sendo depositado desde o dia 17 de setembro. E o cronograma de pagamento será até o dia 30 de setembro e o recebimento deve ser realizado nas agências da Caixa Econômica ou em uma Casa Lotérica.

Pelo site oficial da Caixa, o cidadão encontra mais informações sobre o Auxílio Emergencial ou ainda pelos telefones de contato: 0800 726 0101 ou 0800 725 7474.

PIS/Pasep Com Valores Entre R$ 88 E R$ 1.045: Mais Um Saque Liberado Em 14 Dias

O Governo está permitindo que as pessoas realizam o saque do PIS/Pasep para quem trabalhou em 2019 (quem pode sacar) e no ano de 2018 (quem tem direito e não sacou).

E o saque do PIS/Pasep está liberado de acordo com o mês de aniversário de cada pessoa. Quem nasceu nos meses de julho, agosto e setembro já podem realizar o saque do PIS/Pasep. E no mês de outubro, um novo lote estará liberado no dia 14, ou seja, daqui há 14 dias, contando a partir desta quarta (30 de setembro).

Para poder sacar e ter direito ao PIS/Pasep, o trabalhador deve se encaixar em alguns requisitos e um deles é: ter recebido, em média, 2 salários mínimos mensalmente.

Além disso, o valor de saque do PIS/Pasep pode chegar a um salário mínimo (R$ 1.045), variando de acordo com o tempo trabalhado. Caso a pessoa tenha trabalhado por um ano, recebe R$ 1.045 (um salário mínimo), mas se a pessoa tiver trabalhado por um mês, vai receber o valor proporcional, ou seja, R$ 87,08 reais.

O calendário de saque do PIS/Pasep que está abaixo está de acordo com o mês de aniversário de cada trabalhador beneficiário do PIS (empresas privadas) e do Pasep (funcionário público).

A Caixa Econômica disse que o saque do PIS/Pasep 2019/2020 já poderá ser realizado/seguirá de acordo com o calendário de 2020/2021. E nos dois casos, o PIS/Pasep pode ser sacado até 30 de junho de 2021.

E quem pode realizar o saque do PIS/Pasep?  

– A pessoa que trabalhou em 2018 e em 2019 por 30 dias e com carteira assinada;

– O trabalhador que teve, em média, dois salários mínimos por mês;

– O Trabalhador que está inscrito no PIS/Pasep há pelo menos cinco anos e a empresa deve ter informado seus dados corretamente ao sistema do Governo.

 Calendário de pagamento – PIS

Mês que nasceu Recebe a partir de
Julho 16/07/2020
Agosto 18/08/2020
Setembro 15/09/2020
Outubro 14/10/2020
Novembro 17/11/2020
Dezembro 15/12/2020
Janeiro 19/01/2020
Fevereiro 19/01/2021
Março 11/02/2021
Abril 11/02/2021
Maio 17/03/2021
Junho 17/03/2021

E como saber se tenho direito ao PIS/Pasep?

Para saber se tem direito ou não ao PIS/Pasep é necessário realizar a consulta pelos seguintes canais de comunicação:

PIS – trabalhador de empresa privada

– Aplicativo Caixa Trabalhador;

Site da Caixa, clicando em: “Consultar pagamento”;

– Telefone de atendimento da Caixa Econômica: 0800 726 0207.

Pasep – funcionário público

Telefone do Banco do Brasil: 4004 0001 – capitais e regiões metropolitanas;

Telefone do Banco do Brasil: 0800 729 0001 – demais cidades;

Telefone do Banco do Brasil: 0800 729 0088 – deficientes auditivos.

Aposentadoria Especial Para Engenheiro Civil: Veja Como Funciona

O Engenheiro Civil, uma das profissões mais comuns no Brasil, pode ter uma Aposentadoria Especial que, inclusive, está disponível para vários profissionais.

Mas você sabe como funciona a aposentadoria especial?

Bem, antes de tudo, a Aposentadoria Especial é destinada as pessoas que trabalham expostas a agentes insalubres e perigosos segundo a Lei. Dessa forma, elas podem se aposentar mais cedo.

O Engenheiro Civil se encaixa nessa categoria. A seguir, vamos explicar as regras mais importantes sobre a Aposentadoria Especial. Acompanhe!

O que houve na Aposentadoria Especial com a reforma?

O primeiro ponto a ser entendido sobre a Aposentadoria Especial é que houveram algumas mudanças com a Reforma Previdenciária. Isso porque vários requisitos foram alterados, sendo necessário se preparar.

A reforma passou a valer em 12 de novembro de 2019, por isso, como ainda é muito recente, vários segurados estão realizando o pedido de Aposentadoria nas regras antigas, que não estão mais valendo.

Antigamente, não tinha idade mínima para realizar a Aposentadoria Especial, sendo necessário apenas completar o tempo de contribuição e assim o segurado de aposentava sem problema algum.

Contudo, agora é necessário realizar a comprovação da idade mínima para realizar o pedido de aposentadoria.

Idade mínima  

Como já mencionamos acima, agora existe a necessidade de comprovar idade mínima para se aposentar. E para as pessoas que se aposentam com 25 anos de contribuição, como Engenheiro Civil, é necessário ter, pelo menos, 60 anos de idade.

As outras faixas para se aposentar apresentam idades diferenciadas: pessoas que se aposentam com 15 anos de contribuição precisam ter, pelo menos, 55 anos. E as pessoas que se aposentam com 20 anos devem ter, pelo menos, 58 anos.

E o tempo de contribuição especial?

Para poder ter uma Aposentadoria Especial é necessário que o Engenheiro Civil comprove um tempo especial, que é o tempo exposto aos agentes, ou seja, 25 anos. E não é necessário que isso aconteça de forma ininterrupta, onde a soma de todos os períodos deve chegar a esse valor.

A Aposentadoria Especial ainda apresenta mais duas faixas de contribuição: 20 ou 15 anos. No entanto, elas são aplicadas em outras categorias.

Valor da Aposentadoria Especial

Outro ponto que deve ser entendido sobre a Aposentadoria Especial é que com a Reforma da Previdência, o cálculo da renda mensal inicial sofreu alteração.

A Aposentadoria Especial possuía uma renda mensal muito benéfica, já que ela era integral, correspondendo ao valor total do salário do segurado, sendo a média dos 80% maiores rendimentos com os recolhimentos realizados pelo INSS, sem que houvesse nenhum desconto.

Agora, ela é de acordo com o cálculo destinado para Aposentadoria por Idade, da seguinte maneira: a soma abrande todo o período de contribuição (100%), pegando 60% do salário de benefício e em seguida soma-se 2% para cada ano de contribuição que o segurado teve depois de 20 anos.

Veja o exemplo:

Se um segurado teve o salário de R$ 3000 reais com 26 anos de contribuição, ele terá uma renda mensal de Aposentadoria Especial equivalente a 72% do salário. Isso acontece porque o profissional teve 6 anos de contribuição e depois dos 20 anos, totalizou os 12% que serão somados aos 60%. Dessa forma, ele vai receber R$ 2.160 de Aposentadoria Especial.

Direito adquirido

Antes da Reforma da Previdência não existia idade mínima para se aposentar, dessa forma, os segurados que atenderem os requisitos de acordo com as regras antigas na data anterior a vigência da Lei podem solicitar o Direito Adquirido.

Isso quer dizer que eles podem usar os requisitos antigos e assim ter direito a Aposentadoria Especial, ou melhor, integral, mesmo que o pedido tenha sido realizado depois da entrada em vigência da Reforma da Previdência.

Mas atenção: isso será possível apenas para quem já cumpriu todos os requisitos. Os profissionais que estavam muito perto de se aposentar não terão Direito Adquirido. No entanto, podem haver regras de transição especiais para essas pessoas.

Aposentaria para esses profissionais

O Engenheiro Civil terá direito a Aposentadoria Especial por causa da exposição constante aos agentes nocivos à saúde que estão listados no Decreto de n° 3.048 de 1999.

Onde fazer o requerimento da Aposentadoria Especial?

O primeiro passo para realizar o pedido de Aposentadoria Especial do Engenheiro Civil é separar os documentos necessários: LTCAT, PPP, CPF, RG, Comprovante de Residência, Carteira de Trabalho, Guias de Recolhimento, etc.

Em seguida, é necessária fazer o agendamento para o atendimento em uma Agência da Previdência Social (APS). Esse agendamento pode ser realizado pelo do Meu INSS ou pelo telefone: 135.

Durante o processo para dar entrada na Aposentadoria Especial, se houver necessidade, o INSS pode solicitar outro documento que deverá ser entregue dentro de 30 dias. Caso esse prazo não seja cumprido, o pedido é extinto.

Se o pedido de Aposentaria Especial for negado, o profissional pode seguir dois caminhos: entrar com um recurso no INSS, solicitando que a instância superior realize a revisão ou propor um processo judicial. Em um processo judicial, o juiz faz uma análise do caso para dar uma sentença.

Auxílio Emergencial De R$ 600: Veja O Calendário De Saque Dessa Terça-Feira (29)

Nesta terça-feira, 29 de setembro, um grupo de pessoas do Auxílio Emergencial de R$ 600 terá o saque do dinheiro em espécie liberado. A liberação de saque estará disponível para quem nasceu em março.

Esse grupo recebeu o Auxílio Emergencial de R$ 600 no dia 4 de setembro. Desde essa data, o dinheiro pode ser movimentado pelo Aplicativo Caixa Tem (conta poupança digital da Caixa). Esse grupo começou a receber o Auxílio Emergencial em abril e o pagamento dessa quinta parcela terá seu termino nesta quarta-feira, dia 30 de setembro.

Veja abaixo todos os detalhes do Auxílio Emergencial de R$ 600 para deposito e saque e transferência.

Pagamento da quinta parcela do Auxílio Emergencial de R$ 600

– Nasceu em janeiro: pagamento em 28 de agosto

– Nasceu em fevereiro: pagamento em 02 de setembro

– Nasceu em março: pagamento em 04 de setembro

– Nasceu em abril: pagamento em 09 de setembro

– Nasceu em maio: pagamento em 11 de setembro

– Nasceu em junho: pagamento em 16 de setembro

– Nasceu em julho: pagamento em 18 de setembro

– Nasceu em agosto: pagamento em 23 de setembro

– Nasceu em setembro: pagamento em 25 de setembro

– Nasceu em outubro: pagamento em 28 de setembro

– Nasceu em novembro: pagamento em 28 de setembro

– Nasceu em dezembro: pagamento em 30 de setembro

Saque e transferência do Auxílio Emergencial de R$ 600

– Nasceu em janeiro: saque e transferência liberados em 19 de setembro

– Nasceu em fevereiro: saque e transferência liberados 22 de setembro

– Nasceu em março: saque e transferência liberados em 29 de setembro

– Nasceu em abril: saque e transferência liberados em 01 de outubro

– Nasceu em maio: saque e transferência liberados em 03 de outubro

– Nasceu em junho: saque e transferência liberados em 06 de outubro

– Nasceu em julho: saque e transferência liberados em 08 de outubro

– Nasceu em agosto: saque e transferência liberados em 13 de outubro

– Nasceu em setembro: saque e transferência liberados em 15 de outubro

– Nasceu em outubro: saque e transferência liberados em 20 de outubro

– Nasceu em novembro: saque a transferência liberados em 22 de outubro

– Nasceu em dezembro: saque a transferência liberados em 27 de outubro

Para outras informações acesse o site da Caixa ou ligue: 0800 726 0101 ou 0800 725 7474.

Vagas De Emprego: Mais De 300 Oportunidades Em Evento On-line

Foram divulgadas novas vagas de emprego para negros no fim desse mês pelo evento: “Afro Presença”, do Ministério do Trabalho.

Isso significa que as pessoas que estão em busca de uma vaga de emprego no mercado de trabalho verificam a seguir como participar do processo de seleção. As vagas de emprego é uma iniciativa do Ministério Público do Trabalho que destaca oportunidades para quem é afrodescendente.

300 vagas de emprego para negros em evento on-line

De início, em um evento on-line e gratuito, as oportunidades vão estar disponíveis entre 30 de setembro e 2 de outubro. São mais de 300 vagas de emprego para os candidatos com cargos de analista e gerente. Além disso, haverá vagas para participar de oficinas de recursos humanos, entrevistas on-line, palestras e ainda mesas de debates. Tudo isso será levado em conta para considerar os melhores candidatos.

Dessa forma, as vagas de emprego são destinadas para incluir mais pessoas negras, ou melhor, jovens negros no mercado de trabalho.

E para participar é necessário fazer o cadastramento no site oficial.

Não perca tempo, as vagas de emprego são excelentes oportunidades para conseguir um trabalho. Além disso, uma das vagas de emprego pode ser para o candidato que conseguir se destacar na fase curricular e afins. E começar pelo preenchimento do currículo é de suma importância, assim como a preparação para entrevista.

Mantenha-se atualizado no Novos Benefícios para que você consiga conquistar sua oportunidade de trabalho.

Auxílio Emergencial De R$ 300 Será Pago Para Quem Está Fora Do Bolsa Família Nesta Quarta Feira (30)

Em uma reunião realizada com o Governador do estado de Minas Gerais, Romeu Zema do Novo, Onyx Lorenzoni (Ministro da Cidadania), disse que o Auxílio Emergencial de R$ 300 começará a ser pago a partir desta quarta-feira, 30 de setembro, para quem não está no Bolsa Família.

Até o final da tarde, a gente publica uma portaria que estabelece o pagamento a partir de quarta feira de mais de 30 milhões de pessoas. já devemos ter publicado no extra de hoje o anexo com o calendário de pagamentos. Estamos nos detalhes finais. A parti de quarta-feira a Caixa começa a pagar as pessoas que não estão no Bolsa Família”, disse Onyx.

Onyx ainda falou sobre o novo Programa Social Renda Cidadã, que vai substituir o Bolsa Família. Ele disse que o Renda Cidadã deve ser implementado pelo Governo em 2021, sendo possível disponibilizar R$ 35 bilhões ao programa.

O Renda Cidadã, nós temos o programa pronto há muitos meses, desde quando eu estava na Casa Civil, desde novembro do ano passado. Montamos um programa com três grandes eixos, o primeiro deles é o mérito, a empregabilidade e foco na primeira infância”.

Segundo Lorenzoni, mais de 1,5 milhões de crianças do programa Bolsa Família serão premiadas de acordo com seu desempenho na escola, dez mil vão receber prêmio pelo desempenho em jogos estudantis e outros dez mil que se destacarem nas olimpíadas do conhecimento.

Auxílio Emergencial: pagamento até dezembro    

O Auxílio Emergencial com um valor abaixo no inicial, ou seja, em R$ 300 reais, será prorrogado em mais 4 parcelas até o mês de dezembro. A extensão foi confirmada pelo presidente Jair Bolsonaro e será oficializada por uma Medida Provisória, sendo votada no Congresso Nacional por deputados e senadores.

Nesse ano, já foram depositadas 5 parcelas do Auxílio no valor de R$ 600. O Auxílio visa ajudar MEIs, mães chefes de família, desempregados, trabalhadores autônomos e informais.

A Caixa Econômica disponibiliza seu site oficial e o telefone para mais informações sobre o Auxílio Emergencial: 0800 726 0101 ou 0800 725 7474.

Auxílio Maternidade Para Homens – Veja Como Funciona

O Auxílio Maternidade é um dos benefícios do Governo garantidos por Lei para os trabalhadores. Porém, não são todas as pessoas que como realmente funciona o Auxílio Maternidade

E não conhecer o Auxílio Maternidade passa também pelos homens. Isso porque eles em sua grande maioria têm dúvidas a respeito desse benefício.

Se você é uma das pessoas que tem dúvidas, confira nosso artigo a seguir e saiba todos os detalhes sobre o Auxílio Maternidade.

Homens tem direito ao Auxílio Maternidade?

De acordo com a Lei 12.873 de outubro de 2013, o Auxílio Maternidade foi estendido para os homens e com duração de 120 dias.

Isso quer dizer que o Auxílio Maternidade está disponível para a mulher e o homem que são segurados da Previdência Social que possuem um filho ou uma criança adotada.

Os cônjuges podem receber o Auxílio Maternidade?  

De acordo com a Constituição Federal, todos tem igualdade perante a lei. Dessa forma, tanto homens quanto mulheres tem os mesmos direitos previdenciários.

O Auxílio Maternidade existe para que uma pessoa se afaste do trabalho para que ela possa cuidar do bebê recém-nascido ou da criança adotada. Dessa forma, ela vai poder se adaptar e nova realidade de sua vida. Nesse contexto, o Auxílio Maternidade para os homens não implica em pagamento para os companheiros ou cônjuges.

Isso quer dizer que só é possível receber um Auxílio Maternidade por família, mas que a mulher e o homem têm direito, em princípio de igualdade, sendo essa a razão que tanto ele quando ela podem solicitar o Auxílio Maternidade.

Caso seja adoção, o Auxílio Maternidade recebido pela mãe biológica não atrapalha o Auxílio de quem está adotando, seja para o homem ou para mulher.

E quando um homem pode receber o Auxílio Maternidade?

É praticamente do mesmo jeito das mulheres que o Auxílio Maternidade está disponível para os homens, existindo apenas alguns acréscimos.

Antes de saber essa regra veja quais são os três fatos que possibilitam a aquisição do Auxílio Maternidade:

– Gestação de uma criança;

– Adoção ou guarda para fins de adoção;

– Aborto que não seja criminoso.

O Auxílio Maternidade será pago aos homens quando o mesmo parar de trabalhar para cuidar do filho e que ele preenche os requisitos exigidos pela Previdência Social.

E os requisitos necessários são os mesmos das mulheres caso o Auxílio Maternidade seja em casos de adoção, como: carência e comprovação de adoção através de documentos. Isso significa que ela deve acontecer durante o período de manutenção da qualidade como segurado.

O que é necessário comprovar para ter o Auxílio Maternidade?  

Para ter o Auxílio Maternidade é necessário preencher alguns requisitos:

– Ser segurado da Previdência Social e ter tempo de contribuição.

O funcionário deve requerer o Auxílio Maternidade direto na empresa que trabalha. Já os demais trabalhadores devem dar entrada no INSS, sendo necessário comprovar carência (a exceção são os trabalhadores empregados, domésticos a avulsos, que não necessitam cumprir o tempo mínimo).

Quem é contribuinte autônomo ou quem contribui facultativamente para o INSS devem ter realizado contribuição nos dez meses anteriores. O trabalhador rural, por sua vez, que é chamado de segurado especial, deve ter trabalhado nos último dez meses.

E além de levar os documentos pessoais, no nascimento do filho, é necessário levar também a certidão de nascimento ou, caso seja afastamento nos 28 dias antecedentes ao parto, o atestado médico deve ser levado.

E qual é o valor do Auxílio Maternidade?

O valor do Auxílio Maternidade vai depender da modalidade do benefício no qual ela se encaixa.

Quem é trabalhador avulso e segurado emprego vão receber o valor total de sua remuneração. Já as empregadas domésticas terão o Auxílio Maternidade calculado de acordo com o seu último salário.

Os segurados especiais ganharam o Auxílio Maternidade de acordo com a média de sua contribuição anual. já os demais vão receber de Auxílio Maternidade a média das últimas 12 contribuições.

Auxílio Maternidade do INSS

Pelo site do INSS mais informações podem ser encontradas sobre o Auxílio Maternidade, como também pelo seu telefone de contato: 135.

Carteira De Motorista Gratuita (CNH Social): Mais De 4 Mil Vagas Estão Abertas

Muitas pessoas desejam ter a Carteira de Motorista, mas por causa do seu custo elevado, essa possibilidade não existe. E pensando em atender as pessoas de baixa renda, o Governo de vários estados disponibilizam a Carteira de Motorista sem custo algum, que é a CNH Social.

No processo de seleção para ter a CNH Social estão disponíveis três categorias: rural, estudantil e urbana. O objetivo da CNH Social é fornecer a primeira Carteira de Motorista nas categorias A e B ou ainda para quem já tem a CNH, a adição da categoria A ou B e ainda a mudança da B para D.

E um dos estados que disponibilizam a CNH Social é o Goiás. Ao todo, são mais de 4 mil vagas que estão em aberto e os candidatos terão isenção das taxas de Detran. Ah, os exames médicos, psicológicos e toxicológicos também serão gratuitos. E caso o candidato seja PCD, as despesas com a junta médica também estão inclusas.

Além disso, o programa que disponibiliza a CNH Social tem a inclusão do curso teórico, da legislação de trânsito, de aulas práticas de direção e até três retestes.

E como se inscrever na CNH Social do estado de Goiás?

A inscrição no estado do Goiás para ter a CNH Social pode ser realizada pelo site do Detran, devendo seguir o passo a passo que está no site.

Na modalidade estudantil, é necessário que o estudante tenha idade entre 18 e 25 anos. Além disso, é necessário estar inscrito no Cadastro Único e/ou no Pronaf.

Nessa modalidade da CNH Social ainda é necessário ter terminado o ensino médio na rede publica de ensino estadual. Vale salientar que apenas nessa modalidade um dos critérios que será usado para desempate será a nota média verificada pela Secretaria de Educação do Estado do Goiás.

Já na modalidade rural e urbana, as inscrições para ter a CNH Social podem ser realizadas por pessoas que tem idade superior a 21 anos e que são moram no estado do Goiás.

É necessário ainda estar inscrito no Cadastro Único e/ou no Pronaf. Outro critério que deve ser seguido é saber ler e escrever e ainda deve se encaixar nos critérios do Código Nacional de Trânsito.

De acordo com o Governo do Goiás, as pessoas que possuem deficiência terão reservada 5% das vagas para ter a CNH Social. No entanto, a reserva não tem validade para a mudança para a categoria D. Nesse caso, não terá reserva de vagas para PCDs.

Novo Programa Social Renda Cidadão Terá R$ 25 Bilhões A Mais Que O Bolsa Família

O novo Programa Social Renda Cidadã do Governo Federal, que está sendo criado para entrar no lugar do Bolsa Família, terá pelo menos R$ 25 bilhões a mais em dinheiro do que o Bolsa Família, podendo chegar ao valor de R$ 30 bilhões.

Além disso, o Governo desejava que o valor que cada pessoa recebesse do Renda Cidadã ficasse em R$ 300 reais, mas isso não será possível.

O relator do Renda Cidadão, ou melhor, da PEC Emergencial, senador Márcio Bittar (MDB – AC) disse que para financiar o novo programa, o Governo não vai ultrapassar o teto de gastos. O teto de gastos prevê que as despesas da União quando passam de um ano para o outro, devem crescer dentro da mesma taxa de inflação.

O valor (do benefício individual) ficará mais baixo. Ficará entre R$ 200 e R$ 300 neste primeiro momento. Para isso, tivemos que encontrar uma nova solução orçamentária. Mas não vamos furar o teto. Nesse debate, chegou a ser pensada numa solução extra-teto. Porém, não era ideal e a equipe econômica encontrou uma solução”, afirmou Bittar.

De acordo com o senador, o valor terá aumento a cada período, segundo o aumento no espaço do orçamento. O anuncio de como vai ser o Renda Cidadã deverá ser realizado nessa segunda (28) pelo presidente Jair Bolsonaro quando haverá uma reunião do próprio presidente com lideres da base aliada.

Bittar afirmou que está confiante para que a PEC Emergencial seja aprovada.

Está quem nem a música de Tim Maia: Vela Tudo. Só não pode aumentar a carga tributária e mexer no teto de gastos. O resto vale”, disse Bittar.