Conheça Alguns Mistérios Humanos Jamais Revelados Pela Ciência

Sabemos que no mundo moderno, o homem já pisou na lua, a medicina avançou em pesquisas e descobertas cada vez mais atuais como  as células tronco, no entanto, ainda há alguns simples mistérios a respeito do corpo e comportamento humano que ainda não puderam ser revelados.

Confira alguns mistérios jamais revelados pela ciência

– Rubor, ou as famosas bochechas vermelhas

Darwin tentou explicar esse fenômeno do corpo humano como se fosse um alerta aos nossos congêneres. Outros pensadores concluíram que poderia servir para revelar debilidade e evitar assim ligações íntimas, porém, não há comprovação científica e esse é um dos maiores mistérios existentes.

– Sorriso

O sorriso é extremamente natural do ser humano. Nós não aprendemos a sorrir, de modo que é possível vermos bebês sorrindo na mais tenra idade. É natural.

Apesar de saber que o riso é útil por liberar endorfinas no corpo, não há nenhuma razão científica comprovada para sorrirmos em um determinado momento ou em outro.

– Beijo

Isso mesmo, o beijo. Essa tendência não pode ser considerada genética, até porque seu hábito varia de acordo com a cultura. A teoria mais aceita é de que está ligada às lembranças que carregamos da amamentação, quando o contato íntimo com uma pessoa era feito através da boca e com movimentos da mesma.

Há também a teoria de que os humanos pré históricos alimentavam os filhos boca a boca e podemos ter herdado a associação de compartilhar saliva a algum tipo de prazer.

– Sonhos

Há eternas teorias e controvérsias sobre a origem dos sonhos. A teoria de Sigmund Freud é de que os sonhos manifestem os desejos presentes em nosso subconsciente, mas foi desacreditada e contestada por teorias que afirmam que os sonhos auxiliam no processo das emoções humanas. A razão pela qual vemos imagens durante os sonhos, no entanto, ainda não foi descoberta e suas mistérios continuam sem respostas.

Veja também: tudo sobre o Caribe brasileiro.

++ Saiba tudo sobre o Intercâmbio voluntario.

– Superstição

Esse é um dos maiores mistérios da mente humana. Não se sabe de onde veio o hábito humano de ser supersticioso, acreditando por exemplo que obterá azar se passar por baixo de uma escada.

– Retirar ou comer os próprios mucos

Considerado um hábito desagradável e nojento, existem teorias não comprovadas de que comer o muco, que não oferece nenhum tipo de benefício nutricional, pode melhorar o nosso sistema imunológico.

– Altruísmo

O ato de oferecer coisas ou atitudes sem esperar nada em troca é um comportamento natural, apesar de cada vez mais raro nos seres humanos. Acredita-se que tenha nascido da necessidade de se formar vínculos no passado.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima