Minha Casa Minha Vida 2020 – Excelentes Condições

O programa Minha Casa Minha Vida foi desenvolvido pelo Governo Federal em parceria com os governos estaduais e municipais no ano de 2009, com o intuito de facilitar o acesso ao financiamento de imóveis tanto para aquisição como para construção, contribuindo dessa forma para a amenização do déficit habitacional brasileiro.

São inúmeros os benéficos ao optar por fazer adesão ao programa Minha Casa Minha Vida do Governo Federal, confira:

Os clientes podem os usufruir de uma das menores taxas de juros do mercado (A partir de 5% ao ano).

O programa Minha Casa Minha Vida possui o maior prazo de financiamento do mercado (podendo ser feito em até 360 meses que equivalem a 30 anos).

Para utilizar o FGTS para o pagamento do Minha Casa Minha Vida é necessário:

  • Ter sob o regime do FGTS no mínimo 36 meses de trabalho;
  • Não possuir nenhum tipo de financiamento no Sistema Financeiro de Habitação;
  • Não ter utilizado o FGTS para quitação ou aquisição de outro imóvel nos últimos 5 anos.

O governo oferece de um aporte financeiro de um subsídio para a realização da compra de um determinado imóvel através do Minha Casa Minha Vida, por exemplo:

Caso você deseje solicitar o financiamento de um imóvel no valor de R$ 115 mil e consegue adquirir um subsídio do Governo Federal no valor de R$ 15 mil, terá que efetuar o pagamento de apenas R$ 100 mil.

Algumas características e fatores particulares devem são levadas em consideração para receber o subsídio através do Minha Casa Minha Vida.

  • Renda na qual o solicitante se encaixa;
  • Região onde será efetuada a compra da residência;
  • Valor do imóvel a ser adquirido.

Faixa de renda necessária para adesão do Minha Casa Minha Vida 

Para fazer a inscrição no programa Minha Casa Minha Vida é necessário comprovar renda menor que R$ 9.000,00. As taxas de juros variam de acordo com a renda do solicitante.

Renda FamiliarFaixaNecessidade de entrada
Até R$ 1.800,001Pode ser que não necessite de entrada
Até R$ 2.600,001,5Pode ser que não necessite de entrada
Até R$ 4.000,002Pagamento de entrada obrigatório
Até R$ 9.000,003Pagamento de entrada obrigatório

Requisitos para obter o Minha Casa Minha Vida 

Para fazer o cadastramento no programa Minha Casa Minha Vida é necessário atender a alguns requisitos, confira:

  • Possuir uma renda familiar que esteja dentro das faixas estabelecidas pelo programa;
  • Não possuir vínculo empregatício  com a Caixa Econômica Federal;
  • Não ter recebido nenhum tipo de benefício relacionado a programas habitacionais;
  • Não possuir nenhum tipo de imóvel em seu nome;
  • Não possuir registro negativo nos órgãos de proteção ao crédito.

Documentação necessária para adquirir Minha Casa Minha Vida 

 Para participar do processo de adesão do Minha Casa Minha Vida é necessário ter os seguintes documentos:

  • Comprovante de residência atualizado;
  • Declaração de contribuição do Imposto de Renda;
  • Documentos de identificação: RG e CPF;
  • Carteira de trabalho;
  • FGTS;
  • Comprovante de estado civil (certidão de casamento averbada para divorciados, certidão de casamento para casados, certidão de nascimento para solteiros);
  • Comprovante de renda.

*Se tratando de trabalhadores assalariados é necessário apresentar o comprovante de renda dos últimos 6 meses.

2 comentários em “Minha Casa Minha Vida 2020 – Excelentes Condições”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima